Ouvir
Porto Amigo

O Município do Porto está empenhado em dar resposta às necessidades mais prementes no âmbito da melhoria das condições de habitabilidade, nomeadamente na reabilitação das edificações degradadas pertencentes a agregados familiares carenciados e na criação de soluções de alojamento para pessoas em situação de sem-abrigo, e o programa Porto Amigo é exemplo disso mesmo. Resulta de uma parceria entre a Câmara do Porto, a Fundação Manuel António da Mota, o Grupo de Ação Social do Porto (G.A.S. Porto) e a Associação Just a Change.

O Porto Amigo para além de permitir melhorar a condições de habitabilidade dos seus destinatários, permite ainda que estes permaneçam no seu meio social, reforçando o sentimento de pertença ao território onde vivem, combatendo o sentimento de isolamento e a solidão.

Podem aderir ao programa Porto Amigo pessoas residentes no concelho do Porto, em habitação não municipal, que se encontrem em situação de comprovada carência económica ou que integrem no seu agregado familiar cidadão com grau de incapacidade igual ou superior a 60%.

A execução, o acompanhamento e a avaliação são realizados pelos diferentes parceiros que integram o programa Porto Amigo:

> Câmara do Porto: identifica situações passíveis de intervenção que reúnam os critérios de elegibilidade e afeta um montante financeiro para a execução das obras

> Fundação Manuel António da Mota (Grupo Mota Engil): afeta um montante financeiro para a execução das obras

> G.A.S. Porto: realiza o acompanhamento social do candidato e do correspondente agregado

> Associação Just a Change: realiza a avaliação técnica e orçamentação das situações identificadas, elaboração dos projetos, execução da intervenção de reabilitação e mobilização de jovens voluntários


Anexos
Clique no ficheiro para fazer o download